DIA INTERNACIONAL DAS MULHERES TAMBÉM EM SAMAMBAIA:SAÚDE E LEITE MATERNO: É BOM SABER TUDO.

09:58Carlos Alberto-Há 40 anos vivendo Brasília!


HOMENAGEM ÀS MULHERES COM TRABALHO.
Dia Internacional das Mulheres; dia de pensar e se informar sobre saúde.
Os profissionais (homens e também mulheres é claro!) de saúde do Centro de Saúde 02, o mais antigo de Samambaia, vão homenagear as mulheres fazendo o que mais sabem; trabalhando.
No próximo dia 10 de março, sábado, acontece naquela unidade, uma manhã inteira de atenção às mulheres, com atendimento médico, palestras sobre câncer de mama, de útero, e coleta de material pare exames.
Aquele centro já se tornou referencia quando o assunto é fazer ações desse tipo, que acontecem em várias datas como esta, e durante todo o ano com envolvimento total do pessoal que ali trabalha.
Indiferentes às críticas e problemas que tanto se propalam a respeito da saúde, e mesmo contando com recursos limitados, aquele posto de saúde tem praticado no dia a dia, como foi visto pessoalmente por este repórter, algo que se poderia chamar de “ir além da função”, com desprendimento, carinho e atenção para com os adultos, sejam homens ou mulheres ou crianças e todos aqueles que de alguma forma participam dos programas de atenção à saúde, portadores de doenças crônicas como diabetes e renais, e outras necessidades especiais.
Portanto no dia 10 de março a partir de oito horas, você mulher, compareça e cuide da sua saúde. O centro de Saúde 02 fica ali bem ao lado da entrada do Parque Três Meninas.

Mais Informação: Leite materno; estoques no DF estão em baixa.


As mães do Distrito Federal que possuem excesso de leite materno ou enfrentam dificuldades para amamentar terão mais um ponto de apoio. Já esta em funcionamento no Hospital Regional de Samambaia um posto para coleta de leite. As lactantes terão apoio na amamentação e poderão doar o leite materno. Atualmente, 70 moradoras da cidade são doadoras. Este é o terceiro posto de coleta do DF. Os outros funcionam no Paranoá e São Sebastião. As cidades de Taguatinga, Brazlândia, Asa Norte, Asa Sul,
Planaltina, Sobradinho, Gama e Ceilândia possuem bancos de leite – onde o leite é recolhido e pasteurizado para ser distribuído.
De acordo com a Coordenadora de Bancos de Leite do DF, Miriam Santos, a unidade de Samambaia vai atender à demanda regional e servir como ponto de orientação para as lactantes. “A cidade de Samambaia tem um grande número de nascimentos. A mãe que procurava Ceilândia ou Taguatinga vai encontrar aqui, mais perto de casa, o mesmo serviço. Teremos uma Médica Pediatra responsável pelo Posto de Coleta, uma enfermeira e duas Técnicas de Enfermagem”, conta Miriam.
A cada ano, 45 mil crianças nascem na capital federal. Em 2008, 4,5 mil mulheres de todo DF doaram leite materno. Isto gerou 21 mil litros de leite que foram distribuídos para 17 mil crianças.
Até setembro deste ano, 12 mil litros de leite humano foram colhidos. “No último ano cerca de 10% das mães se tornaram doadoras.
De acordo com a literatura, 30% destas mulheres têm excesso de leite. Logo, o nosso objetivo é atingir os outros 20%.
“É importante divulgar este trabalho, pois muitas mães querem doar, mas não sabem como”, disse Miriam.

COMO DOAR O LEITE MATERNO:

Para ser uma doadora, a mãe precisa estar amamentando, ter excesso de leite, estar saudável e não fazer uso de nenhuma medicação. Além disso, todos os exames do pré-natal são checados. O leite é recolhido em casa por uma equipe do Banco de Leite /Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal. “Quase 100% das coletas são feitas na residência da lactante.
O leite retirado é armazenado em um frasco, entregue pela equipe, e guardado na geladeira”, explica Miriam. O leite deve ser armazenado em recipiente de vidro com tampa de plástico, no congelador por no máximo 15 (quinze) dias.

Aquelas que desejarem participar do grupo de doações ou precisam de informações e orientações sobre a amamentação, podem entrar em contato o posto de coleta de leite do Hospital Regional de Samambaia pelos telefones: (61) 3458-9811 / 3358-2828.

Dúvidas: Quem pode doar leite humano?



Toda mulher saudável com excesso de leite e que não use medicamentos que impeçam a doação.

O que fazer para a doação?

 Preparo do frasco para guardar o leite:
1 – Lave um frasco de vidro com tampa de plástico (tipo maionese), retirando o rótulo e o papel de dentro da tampa
2 – Coloque o frasco e a tampa em uma panela cobrindo-os com água
3 – Ferva por 15 minutos, contando o tempo a partir do início da fervura
4 – Escorra sobre um pano limpo até secar
5 – Feche o frasco sem tocar com a mão na parte interna da tampa
6 – O ideal é deixar vários frascos preparados * Higiene pessoal antes de iniciar a coleta:

1. Prenda os cabelos ou coloque uma touca;

2. Lave as mãos e os braços até o cotovelo com bastante água e sabão;
3. Lave as mamas apenas com água;
4. Seque as mãos e as mamas com toalha limpa.

 Local apropriado para retirar o leite:

1. Escolha um lugar confortável, limpo e tranqüilo;
2. Forre uma mesa com pano limpo para colocar o frasco e a tampa;
3. Evite conversar durante a retirada do leite. * Guarde imediatamente o frasco no congelador da geladeira ou freezer por até 15 dias. Anote na tampa do frasco a data em que se iniciou a coleta do leite.


O Posto de Coleta de Leite Humano da Regional de Saúde de Samambaia, conta com o Apoio e Colaboração do ROTARY CLUB DE SAMAMBAIA.
PARA MAIS INFORMAÇÕES:
Banco de Leite
3358.2828 / 3458.9811
AINDA SOBRE SAÚDE:
BANCOS DE SANGUE NO DF: ESTOQUES EM BAIXA.
Necessidade maior é de O negativo
A Fundação Hemocentro de Brasília (FHB) também está passando por dificuldades por conta das festas de final de ano. Neste período há uma grande queda no número de doadores e considerável aumento no número de acidentes. De acordo com a Fundação, os tipos sanguíneos que mais necessitam de doações são os negativos, especialmente o O negativo. Os interessados devem ir ao Hemocentro e preencher alguns pré-requisitos, como ter entre 16 e 67 anos; ter dormido pelo menos 6 horas;  não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 24 horas; estar alimentado; entre outros. Informações: www.fhb.df.gov.br.





Você pode gostar de...

0 comentários

Criticas ou sugestões?

Nome

E-mail *

Mensagem *

Visitantes