CLDF APROVA PROJETO DE LEI QUE REGULARIZA CONDOMÍNIO POR DO SOL E O DISTRITAL CHICO VIGILANTE APLAUDE A LEI QUE PREJUDICA A CIDADE DE SAMAMBAIA.

14:13Carlos Alberto-Jornalismo sério

APROVADO PROJETO QUE REGULARIZA CONDOMÍNIO POR DO SOL.


 Distrital Chico Vigilante gostou da lei que prejudicará quem mora em Samambaia.

Aliado de primeira hora do governador Agnelo Queiróz, o distrital tem angariado a fama de boquirroto e violento segunda declarações de sua colega  Celina Leão, que já se disse inúmeras vezes ofendida por ele.



O distrital Chico Vigilante apareceu nos últimos em diversas manchetes onde é acusado de ligações com políticos do DFR que foram presos por corrupção e cuja linha de pensamento político são inteiramente diferentes da sua.
Mostrando o quanto é controverso em suas opiniões, especialmente quando está em foco negativo nas mídias, especialmente nas redes sociais, o deputado distrital Chico Vigilante que sempre foi combativo nos governos anteriores especialmente no último de José Roberto Arruda a quem agride sempre de foice martelo em riste, o distrital aplaudiu após a votação na CLDF na ultima semana, a Lei que visa regulamentar seu aprovada plenamente na segunda votação, o Condomínio Por do Sol, que vai avançar sobre a ARIE-JK em Samambaia, já tão combalida e abandonada pelo atual governo do DF, que nada fez de concreto por ela em 3 anos e meio de desgoverno.
Mas o importante e que se depreende do comportamento do distrital petista, é aproveitar o momento com discursos e oportunismos eleitoreiros.

Moradores comemoraram a aprovação do projeto
A Câmara Legislativa do Distrito Federal aprovou no começo da noite desta quarta-feira (25) o projeto de lei complementar nº 85/2014, do Executivo, que altera os limites da Área de Relevante Interesse Ecológico do Parque Juscelino Kubitschek, localizado entre Samambaia, Ceilândia e Taguatinga, e regulariza a situação de moradores do Por do Sol, na Ceilândia.
O condomínio se originou de uma ocupação de área dentro dos limites do parque. A proposta foi aprovada por unanimidade pelos deputados distritais em primeiro turno, após a resolução de um impasse sobre informações complementares solicitadas ao GDF.
A matéria gerou bastante debate antes de ser votada. Alguns deputados defendiam a apreciação ainda na sessão de hoje.






Samambaia é a cidade entre as três vizinhas da área, que mais vai perder em qualidade de vida e meio ambiente.

O descaso governamental com o patrimônio ambiental do Distrito Federal está bem ilustrado com essa imagem da Área da Relevante Interesse Ecológico (Arie) JK, em Samambaia e deveria ser motivo de cuidados como previsto na Agenda 21 do DF,envolvendo as cidades de Taguatinga, Ceilândia e Samambaia. 

Outros, como o presidente da Comissão de Meio Ambiente, deputado Robério Negreiros (PMDB), temiam uma votação de forma precipitada, já que faltavam informações por parte do GDF.
O governo, no entanto, encaminhou as informações solicitadas, e foi feito um acordo entre os parlamentares para a apreciação do projeto. 
Moradores da região comemoraram das galerias do plenário a aprovação da proposta. De acordo com a justificativa do governo, a área do parque não será reduzida; ao contrário, ganhará mais 300 hectares. O que muda, segundo a justificativa, é o desenho das poligonais do parque.
Vários parlamentares usaram o microfone da tribuna para parabenizar os moradores do condomínio e ressaltar a conquista de um direito.
Entre eles, o deputado Chico Vigilante (PT), que argumentou que os ambientalistas foram contemplados com a ampliação da extensão do parque e destacou que os moradores do condomínio já estavam de fato dentro da área de preservação.

A votação em segundo turno do PLC nº 85/2014 está prevista para ocorrer na terça-feira (1°).
PESQUISA: KARLÃO-SAM.
ASCOM-CLDF-sexta-feira, 27 de junho de 2014

Você pode gostar de...

0 comentários

Criticas ou sugestões?

Nome

E-mail *

Mensagem *

Visitantes