ACREDITE SE QUISER: UMA CASA NO LAGO SUL EM BRASÍLIA VALE O MESMO QUE 5 CASTELOS NA EUROPA!

18:07Carlos Alberto-Há 40 anos vivendo Brasília!









Casas milionárias no DF custam o mesmo que 5 castelos medievais.
Empresários, embaixadas e até jogadores de futebol são os compradores dos imóveis de luxo de Brasília

Casa a venda por R$ 9 milhões, no Lago Sul. O privilégio de poder ver a Ponte JK da varanda torna o imóvel ainda mais valorizado

 Com R$ 20 milhões é possível se tornar senhor de cinco castelos na Europa. 
Mas se, em vez das belas paisagens do Sul da França, a pedida for abrir a janela e ver o Lago Paranoá, no mercado imobiliário de luxo de Brasília a cifra é suficiente para comprar uma grande casa. Embaixadas, empresas e jogadores de futebol (!) estão entre os compradores, de acordo com os corretores.

Na capital federal poucas imobiliárias atuam nesse ramo, com atendimento especializado. “O cliente alto padrão busca imobiliárias alto padrão. A mesma imobiliária que ele procura pra comprar um imóvel ele usa para vender o que já tem”, explica a corretora Mara Fonseca, há dois anos no setor.

De acordo com o último boletim imobiliário divulgado pelo Sindicato da Habitação do Distrito Federal (Secovi/DF), os imóveis residenciais mais caros do Distrito Federal estão à venda no Sudoeste, nos Lagos Sul e Norte e nas Asas Sul e Norte. Nas quadras mais novas do Sudoeste é possível encontrar apartamentos com valores entre R$ 2 milhões e R$ 6,5 milhões. Já as casas mais valorizadas estão no Lago Sul, com preços de R$ 1,5 milhão a R$ 30 milhões - atualmente encontram-se à venda imóveis de até 20 milhões.

Dinheiro na mão
O pagamento deste tipo de propriedade, geralmente, não é financiado; os compradores pagam R$ 10 milhões, R$ 15 milhões à vista. “Nós já temos uma carteira de clientes com o perfil mais diferenciado. São os que procuram os imóveis de alto padrão”, aponta o corretor Daniel Claudino, com experiência de sete anos no ramo.

“Normalmente são empresários ou empresas que compram para montar escritórios. Nossas duas últimas vendas miliónarias foram no Lago Sul, para embaixadas, que são fortes clientes para compra e aluguel”, completa o corretor Tarik Faraj, que atua há quinze anos no mercado imobiliário.

Casa rica
Para o imóvel alcançar valores milionários, três principais fatores são considerados: localização, tamanho e o acabamento "excepcional". Por isso, os corretores não consideram os preços abusivos. “O preço é justo. São imoveis de requinte, acabamentos e localização diferenciada. O preço faz jus desde o acabamento até a própria estrutura. Arquiteto, projeto e engenheiro levam o imóvel a ter esse valor”, conta Mara.

Para preservar a segurança dos donos dos imóveis e dos futuros compradores, e evitar a ação de criminosos, as imobiliárias não divulgam na internet fotos de casas que valem mais de R$ 13 milhões.

Correio Braziliense.

Você pode gostar de...

0 comentários

Criticas ou sugestões?

Nome

E-mail *

Mensagem *

Visitantes