A VIOLÊNCIA CRESCENDO EM TODO O DF,ENQUANTO MAIS DE 500 POLICIAIS CONCURSADOS ESPERAM PELA POSSE!

18:36Carlos Alberto-Há 40 anos vivendo Brasília!

ALÔ SECRETARIA DE SEGURANÇA! CADÊ VOCÊS?




A notícia a direita do jornal aqui da capital, fala do assassinato de um agente penitenciário em Taguatinga, enquanto o novo Secretário de Segurança já devidamente possuído do espírito e da alma burocráticos que sempre baixa nos nomeados para o serviço público e lhes dá a sensação de que podem ser tudo, menos serviçais do povo que os paga, já chegou falando em criar um "Subsecretaria para estudar a violência, e os procedimentos para combatê-la”!
Ou seja; vamos criar mais órgãos, mais cargos e dar mais despesa ao povo!
Hilário não?

Agora leia a manchete grande que reflete até os ossos, o desespero da população abandonada e entregue nas mãos dos vagabundos que estão em cada esquina da cidade, roubando e matando impunemente!
Será que vamos ter um novo Sandro Avelar, que dotado de uma semântica e capacidade de ser “cara de pau” jamais vistas na figura de um ocupante daquele posto, desmentia os fatos com seus relatórios divulgados sempre na presenças dos grande “veiuculões” de comunicação do DF, e deixava sempre a impressão de que a violência era uma coisa criada pelo povo, este povo simplório e seu imaginário, que não tendo muitas informações no dia a dia, sobre o que acontece fora das janelas e salas, ou lojas, ou obras, ou indústrias, ou shoppings onde trabalha muitas vezes até tarde e chega em casa só para dormir e sair cedo, não tivesse ao seu lado os formadores de opinião, e as redes sociais, acessíveis a qualquer hora e em qualquer lugar, até mesmo em um banheiro, para saber que a violência no DF, nestes últimos 4 anos, não escolheu cara nem cidade, e cresceu na mesma proporção das nossas antigas “cidades-satélites”, hoje muito mais cidades com todos os seus predicados e vicissitudes, que nada ficam a dever a qualquer periferia de São Paulo ou Rio de Janeiro.
Mistificadores e mentirosos, fora! Chega de balelas tipo “Um Novo Caminho”, governo popular, conselhos disto ou daquilo, que fazem reuniões o ano inteiro, tomando suquinhos e refrigerantes com biscoitinhos baratos, e nada apresentam de soluções reais para o povo, este eterno esquecido e maltratado, que, entra governo e sai governo, não consegue nunca ver o seu voto ser honrado, e os seus impostos serem bem aplicados.
Violência não se combate com balelas e planos no papel ou no computador, mentindo-se com os gráficos, dissimulando verdades, gastando-se milhões sem propósitos, como em capas de chuva em tempo de seca, brindes promocionais para os amigos mais chegados e outras brincadeiras de extremo mau gosto com o dinheiro deste povo.
 

Você pode gostar de...

0 comentários

Criticas ou sugestões?

Nome

E-mail *

Mensagem *

Visitantes