APAGÃO NO DF ONTEM-METADE DA CAPITAL FICOU SEM LUZ! CULPA DE FURNAS.

15:08Carlos Alberto-Jornalismo,isento e sem compromisso com mentiras.!

APAGÃO: FALHA EM FURNAS DEIXA 34% DA GRANDE BRASÍLIA SEM LUZ NA TARDE DESTA 6ª.
Queimada causou pane; sistema foi restabelecido às 16h30. Pelo menos 8 regiões foram atingidas; Congresso e Planalto tiveram queda

 Metrô ficou completamente sem energia elétrica e parou.

 O Distrito Federal registrou pelo menos três grandes quedas de energia elétrica na tarde desta sexta-feira (18).
 
Até as 16h, 34% das unidades consumidoras estavam sem energia, segundo a CEB.

O número corresponde a cerca de 339 mil imóveis. Uma queimada próxima a uma subestação causou o desligamento de uma das linhas de transmissão, segundo o Ministério de Minas e Energia (veja nota na íntegra abaixo).

Inicialmente, a CEB afirmou que 480 mil unidades consumidoras (ou 48%) da Grande Brasília haviam ficado sem energia elétrica. A informação foi corrigida pela companhia por meio de nota por volta das 18h30.

Segundo a CEB, a carga foi reduzida a pedido do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), após uma falha no sistema de Furnas.
Por volta das 16h30, a companhia disse que o sistema já estava em fase de religamento. As 17h15, todas as cargas foram restabelecidas.


Prédios públicos como o Congresso Nacional, o Palácio do Planalto e o Supremo Tribunal Federal (STF), na Esplanada dos Ministérios, registraram blecautes.

Entre as localidades atingidas pela instabilidade elétrica estão Asa Norte, Asa Sul, Vicente Pires, São Sebastião, Mangueiral, Lago Sul, Paranoá, Sobradinho, Planaltina, Gama, Ceilândia Norte e Brazlândia.

Entre 15h40 e 16h40, todas as estações do Metrô ficaram fechadas e sem luz.

O órgão disse que os trens voltaram às estações e foram evacuados por causa da instabilidade, para "garantir a segurança dos usuários". O serviço foi restabelecido, mas dois trens apresentaram falhas.

Falha em Furnas
Segundo o ONS, a falha foi causada por um "desligamento automático" que afetou as linhas de transmissão Brasília Sul-Samambaia, por volta das 15h30. Para preservar o sistema, o operador pediu à CEB que reduzisse a carga retirada dessas redes.

O religamento foi autorizado 10 minutos depois, às 15h40, mas o ONS não soube informar quanto tempo seria necessário para a estabilidade do sistema. O órgão suspeita que incêndios florestais tenham causado a queda no sistema, mas a confirmação do motivo só deve sair na próxima semana.

O ONS informou, ainda, que as linhas de transmissão atingidas também atendem a áreas isoladas em Goiás, mas que o número de pessoas afetadas no estado não deve ser significativo.

Nota de Furnas

"Furnas informa que uma queimada praticada próxima à Subestação de Samambaia (DF), sob as linhas de transmissão, nesta sexta-feira (18), provocou o desligamento automático dos circuitos 1 e 2 da LT Samambaia-Brasília Sul, às 15h29. O Corpo de Bombeiros foi acionado e combateu os focos de fogo, possibilitando o restabelecimento do sistema de transmissão de energia à CEB, às 16h.

As queimadas sob as linhas de transmissão são uma das principais causas de desligamento não programado de energia. Por isso, Furnas realiza campanhas contra queimadas nos municípios cortados por suas linhas de transmissão.

Realizar queimadas próximo às linhas de transmissão constitui crime federal previsto no Decreto 2.661, de 08/08/1988, que proíbe atear fogo numa faixa de 15 metros dos limites de segurança das Linhas de Transmissão e de 100 metros ao redor das subestações.


O Centro de Operações de Emergências de Furnas recebe denúncias pelo telefone 0800 025 25 55”

Você pode gostar de...

0 comentários

Criticas ou sugestões?

Nome

E-mail *

Mensagem *

Visitantes