featured

CÂMARA LEGISLATIVA: UM FORMIGUEIRO DE ESCÂNDALOS! ACABA DE EXPLODIR MAIS QUE VAI REPERCUTIR COMO UM NOVO MENSALÃO NO DF"

17:07Carlos Alberto-Há 40 anos vivendo Brasília!

Já tínhamos avisado: “O pesadelo dos eleitores do DF está apenas começando”.
 Repercutindo no Brasil inteiro, um  novo mensalão via as páginas da edição de hoje do Correio Brazilienses e O Glo0bo:
Celina Leão e Liliane Roriz: amigas de longa data, agora em rota de colisão por causa de mais um escândalo de propinas  na Câmara Legislativa do DF!

Era o até então, pior escândalo que acontecia na Câmara do DF, em junho de 2015, já devidamente amortecido pelas manobras conjuntas dos distritais, e empurrado para debaixo do grosso tapete que abriga os escândalos rotineiros daquela casa, já afamada por ter até 90 de sua produção de leis, considerada inúteis pela Justiça!
(relembre aqui na mídia local: 

(Relembre o primeiro em 
junho de 2015, aqui:http://www.imparesonline.com.br/2015/06/explde-em-brasilia-o-camara-gate-o.html)















Benedito Domingos: Outro ex-distrital que chegou a ser vice-governador de Joaquim Roriz, e notório corrupto e condenado pela Justiça, paga pelos seus crimes aos 83 anos, após condenação e reclusão na Papuda; quem mais o acompanhará?

Já tínhamos avisado: “O pesadelo dos eleitores do DF está apenas começando”.
Era o até então, pior escândalo que acontecia na Câmara do DF, em junho de 2015, já devidamente amortecido pelas manobras conjuntas dos distritais, e empurrado para debaixo do grosso tapete que abriga os escândalos rotineiros daquela casa, já afamada por ter até 90 de sua produção de leis, considerada inúteis pela Justiça!
E aqui em nosso site:

Agora explode outra bomba tendo como centro a própria figura de Celina Leão a presidente, que já vinha sendo arranhada por diversas denúncias na condução do cargo.
 “Distrital Juarezão, convidou o Governador de Brasília Rodrigo Rollemberg, a "dividir o bôlo"!
 Na contra mão de tão pífio desempenho e cumprimento de suas funções em benefícios de seus eleitores, Celina  Leão e os distritais de um lado, e Rodrigo Rollemberg do outro, terçando espadas, enquanto o DF desmorona em problemas de todo tipo que desenganam completamente a população em relação aos governantes, como se fossem donos de um oceano inteiro de sinceridade.
AGORA MAIS ESTE ENVOLVENDO AS DUAS:
Celina Leão e Liliane Roriz: amigas de longa data, agora em rota de colisão por causa de mais um escandalo de propinas  na Câmara Legislativa do DF!
A deputada distrital Liliane Roriz (PTB) gravou conversas com a presidente da Câmara Legislativa, Celina Leão (PPS), em que a chefe do Legislativo teria tratado sobre um suposto esquema de cobrança de propina. Celina Leão e um grupo de distritais da Mesa Diretora teriam exigido dinheiro de empresários para liberar recursos para o pagamento de dívidas de hospitais. A denúncia foi revelada pelo jornal O Globo na tarde desta quarta-feira. O caso é investigado pelo Ministério Público do DF.
No áudio, Celina conversa com Liliane sobre a liberação de R$ 30 milhões.  Os recursos haviam sobrado do orçamento da Câmara Legislativa e poderiam ser realocados por decisão do comando da Casa. Inicialmente, a bolada seria remanejada para pagar reformas de escolas públicas. Mas, segundo a denúncia de Liliane, o empresário abordado não aceitou pagar propina. Diante da negativa, deputados teriam buscado outros setores. Segundo a presidente da Câmara, os colegas teriam conseguido “com um cara” que iria ajudar.  “Se vai ajudar tem que ajudar todo mundo”, afirmou Celina a Liliane.  “Você não tá fora do projeto, não. Você tá no projeto. Mandei o Valério já falar com você”. A chefe do Executivo faz menção a Valério Neves, ex-secretário-geral da Câmara Legislativa, que foi preso na Operação Lava Jato acusado de ser operador do ex-senador Gim Argello.

Valério Neves, o armador dos esquemas de propinas na CLDF, e amigo particular e de confiança,aqui na imagem ao lado da distrital Telma Rufino e de Celina Leão sua protetora, antes de ser preso por ordem do Juiz Sérgio Moro na Operação Lavajato.

 Em outra conversa, de Liliane com Valério, o então secretário-geral da Câmara Legislativa diz que o distrital Cristiano Araújo (PSD) conseguiu o “negócio” das UTIs. Segundo Valério, o “negócio” de Cristiano poderia render “no mínimo 5% e no máximo 10, em torno de 7%”. “Quem sabe disso são só os cinco membros da Mesa e o Cristiano”, acrescenta Valério. Fazem parte da Mesa Diretora Bispo Renato Andrade (PR), Júlio César (PRB), Raimundo Ribeiro (PPS) e Celina Leão. Liliane renunciou à vice-presidência ontem.

 O Ministério Público do Distrito Federal informou que foi aberto um procedimento investigativo na esfera criminal para apurar as denúncias apresentadas por Liliane Roriz. Também há apurações em curso para verificar se houve improbidade administrativa.

Fontes: Correio Braziliense e O Globo.












Você pode gostar de...

0 comentários

Criticas ou sugestões?

Nome

E-mail *

Mensagem *

Visitantes