featured

DISTRITAIS APOIADORES DE IBANEIS ROCHA NA CLDF, DERRUBAM PEDIDO DE CPI CONTRA ELE, POR APENAS UM VOTO.

21:11Brasília, Brasil e o mundo sem retoques!

CPI LOCAL DA PANDEMIA É DERRUBADA


Enquanto o presidente Jair Bolsonaro tenta sobreviver à CPI da Pandemia no Senado, o governador Ibaneis Rocha conseguiu, ontem (19/5) impedir a instalação de uma investigação sobre ações de combate à covid-19 na Câmara Legislativa. 

Doze deputados votaram contra um recurso do deputado Leandro Grass (Rede) com pedido de renovação do requerimento da CPI local da Pandemia. Oito deputados votaram a favor e houve uma abstenção. Para aprovar precisava de maioria, ou seja, 13 votos.

Contra a investigação

Votaram contra a CPI local da Pandemia os deputados Agaciel Maia (PL), Cláudio Abrantes (PDT), Daniel Donizet (PL), Rodrigo Delmasso (Republicanos), Hermeto (MDB), Iolando Almeida (PSC), Martins Machado (Republicanos), Rafael Prudente (MDB), Reginaldo Sardinha (Avante), Roberio Negreiros (PSD), Roosevelt Vilela (PSB) e Valdelino Barcelos (PP). Fernando Fernandes (Pros) se absteve. Foram favoráveis à instalação da CPI da Pandemia na Câmara Legislativa os deputados Leandro Grass (Rede), Arlete Sampaio (PT), Chico Vigilante (PT), Eduardo Pedrosa (PTC), Fábio Felix (PSOL), João Cardoso (AVANTE), Júlia Lucy (NOVO) e Reginaldo Veras (PDT).

FONTE- CORREIO-COLUNA ANA MARIA CAMPOS.


NOSSA OPINIÃO:

A Câmara Legislativa do DF e sua rotina:  até parece um estacionamento de viaturas de polícia!


Na verdade máscaras começam a cair na política local, em que um ano eleitoral atípico aponta na esquina de 2021. Os soberbos e os que se acham impunes eternamente, começam a provar o amargo jiló da rejeição e alguns já nem andam nas ruas do DF. Um lugar em especial está reservado para aqueles ou aquelas, cujos nomes foram manchetes em várias operações e denúncias, que tiveram seus nomes envolvidos em escândalos e fraudes com o dinheiro do povo antes da pandemia.

Alguns já não terão os mesmos rebanhos passivos e submissos de suas igrejas ou categorias, (como alguns que nada tiveram a ver com a história da cidade e mesmo assim se elegeram vindos de fora e usando por exemplo a máquina pública no Governo Rollemberg), aquelas dos anacrônicos esquemas sindicais, e já podem se considerar ex-parlamentares, alguns de um mandato só. Vai ser fogo na gasolina apara conseguir votos ano que vem...

Você pode gostar de...

0 comentários

Criticas ou sugestões?

Nome

E-mail *

Mensagem *

Visitantes